segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Carlos Castro brutalmente assassinado em Times Square


Um caso macabro foi o que aconteceu nos EUA com o cronista e jornalista Carlos Castro português, assassinado brutalmente por outro português, modelo em inicio de carreira com apenas 21 anos Renato Seabra. Basicamente a história resume-se no seguinte:

O corpo do jornalista português Carlos Castro, de 65 anos, foi 6ª feira (7 de Janeiro)  encontrado morto e mutilado num quarto de um hotel de luxo em Times Square, Nova Iorque. O principal suspeito que posteriormente assumiu o crime é um jovem modelo português que já foi detido, e com quem várias testemunhas o ouviram discutir.

Carlos Castro deu entrada no hotel a 29 de Dezembro, acompanhado pelo modelo português Renato Seabra, de 20 anos,  no 34.º andar do hotel nova-iorquino.

Renato Seabra terá saído do hotel momentos antes do corpo ter sido descoberto, o corpo apresentava mutilações várias, nos olhos provocados por um saca-rolhas nos órgãos sexuais e o rosto com sinais de ter sido espezinhado!! Ao que consta Renato esteve 4 horas com o cadáver de Carlos Castro antes de sair do hotel tendo ainda tomado banho antes de sair.

A polícia foi chamada ao hotel cerca das 19 horas, depois de Carlos Castro ter sido encontrado no chão do quarto do hotel.

Segundo a estação de televisão nova-iorquina NY1, Carlos Castro foi declarado morto no local pelos paramédicos.

Renato Seabra participou recentemente no concurso da SIC À Procura do Sonho - Face Model Of The Year, em que o objectivo era descobrir modelos.

Não se sabe o que terá acontecido para Renato ter aquele comportamento, provavelmente algo muito grave se estava a passar com os dois que ao que tudo indica e de acordo com informação de paredes e amigos de Carlos Castro eram namorados.

Inicialmente e enquanto Renato Seabra não foi ouvido pela policia a sua família em especial a mãe que deu mais a cara em público negavam  o envolvimento intimo entre o jovem e o jornalista mas após a confissão de Renato muitas dúvidas foram esclarecidas, porém amigos do jovem não conseguem acreditar quem alguém tão calmo como Renato fosse capaz de tal acto, até uma suposta namorada do rapaz veio em sua defesa referir que o jovem Renato não era homosexual, porém as evidências de que Carlos Castro sustentava viagens de Renato e lhe pagava várias despesas era do conhecimento dos amigos do jornalista, ao que parece Renato foi abordado por Carlos Castro no facebook que lhe pediu amizade ao que o jovem aceitou.

Amigos e familiares de Carlos Castro falaram que o jornalista achava que um dia iria ser assassinado, coincidência ou não acabou por acontecer, contudo fica no ar a pergunta: O que leva um jovem aparentemente calmo, sem aparentar qualquer sinal de violência a cometar tal crime e de uma forma tão monstruosa e cruel!!

A mãe de Renato Seanbra refere que o filho lhe telefonava com alguma regularidade e ultimamente comentava que se sentia infeliz, que a comida tinha um sabor diferente e que não conseguia dormir o que nos leva a pensar que algo poderia estar a desencadear o final que conhecemos ou talvez não...


Sem comentários:

Addthis

Share |
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...