sábado, 7 de maio de 2011

O desporto de empilhar copos de plástico invadiu as escolas dos E.U.A.




Os jovens americanos estão deslumbrados com um novo desporto que acaba por atrair pessoas de todas as idades. Consiste em empilhar copos de plástico no menor tempo possível, realizando várias sequências de empilhamento. O "Sport stacking" surgiu no início dos anos 1980 no sul da Califórnia e recebeu pela primeira vez atenção a nível nacional nos Estados Unidos em 1990 no segmento do “Tonight Show” com Johnny Carson. Foi nessa ocasião que Bob Fox, professor do ensino básico, reparou no potencial deste jogo, vindo mais tarde a criar os Speed Stacks

Speed Stacks espalha-se nos EUA. Em 1998, Bob foi convidado para apresentar o sport stacking no Texas. Depois da resposta encorajadora desta primeira abordagem, a empresa "Speed Stacks Inc." nasceu como um pequeno negócio familiar vocacionado para promover o sport "stacking" e para fornecer aos professores de Educação Física este tipo de material. E o desporto continuou a crescer. Bob começou a viajar por todo o país para apresentar o "sport stacking" a outros professores de Educação Física e em 2000, após 17 anos no ensino, decidiu deixar a escola onde trabalhava para se dedicar por inteiro aos "Speed Stacks". A popularidade deste desporto continua a crescer exponencialmente.
No Verão de 2007 mais de 20,000 escolas no mundo inteiro incluem "Speed Stacks" no seu programa de Educação Física.

Porquê é benéfico o  "sport stacking"?


Um estudo científico do Dr. Brian Udermann, de momento na Universidade de Wisconsin-Lacrosse, confirma que o "sport stacking" melhora a coordenação motora e o tempo de reacção até 30%.

O sport stacking ajuda os alunos a desenvolver competência bilateral (performance equivalente de ambos os lados do corpo). Ao aumentar a competência bilateral, o estudante desenvolve uma maior percentagem do lado direito do cérebro, responsável pela concentração, criatividade e ritmo.

O "sport stacking" ajuda a treinar a mente para desportos e outras actividades em que o uso das duas mãos é importante, como por exemplo tocar um instrumento musical ou utilizar o computador.
Criar sequências e padrões também são elementos do sport stacking, o que contribuí para uma melhoria das competências matemáticas e de leitura.

Veja, Acredite, Ensine! Muitos professores inovadores por todo o mundo estão a descobrir o "sport stacking" através dos "Speed Stacks".

O "Sport Stacking" é um desporto baseado na condição física que crianças e jovens provenientes de todos os meios e com capacidades distintas conseguem fazer. Tanto para o atleta como para o amador, quer esteja a dar aulas a uma turma do oitavo ano ou ao jardim infantil, o "sport stacking" pode ser um excelente complemento aos exercícios habituais de condição física.

Com mais de setenta actividades baseadas no desenvolvimento da condição física, o sport stacking contribuí para motivar os alunos para a actividade física e para um estilo de vida saudável. Pais e professores também apreciam o sport stacking por poder ser praticado em casa. Do mesmo modo que uma encomenda de livros encoraja as crianças a ler em casa, uma encomenda de "Speed Stacks" motiva para a prática desportiva em casa.



Um rapazinho, Steven Purugganan, tornou-se campeão mundial de sport stacking.

Steven tem 10 anos, e origens filipinas, vive nos Estados Unidos.

Fonte: Key4kids.pt

Sem comentários:

Addthis

Share |
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...